Sábado, 6 de Novembro de 2004

Momento I

Procuro na janela da minha verdade a tua existência.
Já cansado de errar percebo que não existes.
Um fogo de imaginação criou-te,
Em cinzas de realidade te extingui.
Cabe-me agora espalha-las pelos mares profundos
Da minha solidão.


Gabriel Braga
05/11/04

publicado por JoãoSousa às 18:57
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 25 seguidores

.Janeiro 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


.Presente

. À lembrança

. À escrita

. ...

. ...

. Às vezes

. ...

. Lhasa

. Balanço Anual

. Soneto débil

. One Night Stand

.Presente

. À lembrança

. À escrita

. ...

. ...

. Às vezes

. ...

. Lhasa

. Balanço Anual

. Soneto débil

. One Night Stand

.Imagens

SAPO Blogs