Domingo, 18 de Abril de 2004

O homem que tinha dois dias... IV

O homem que tinha dois dias levantou-se cedo, correu toda a sua rua, parando em todos os cafés, em todas as casas, cumprimentando todos os seus conhecidos e despedindo-se e pagando as suas dívidas. Juntou todos os seus amigos e passou a tarde com eles, despediu-se no fim. Ligou para todos os seus amigos que estavam longe e despediu-se também, como se fosse uma despedida normal mas já cheia de saudade. No fim da noite, depois de bem aproveitado o seu penúltimo dia arrumou tudo ao mínimo pormenor, todas as suas roupas em malas, limpou todo o pó que sempre lhe fizera companhia, arrumou os livros que tinha devorado em tempos e que se encontravam espalhados pela casa, limpou os cinzeiros com as cinzas dos cigarros que sempre o suportavam nos momentos mais nervosos ou então por simples prazer. Decidiu fazer uma ceia e comeu uma refeição imensa. Arrumou a cozinha toda, de alto a baixo, sentou-se no sofá a recordar velhos tempos com os álbuns de fotografias, leu os seus diários, leu todas as cartas que lhe mandaram e bebeu um cálice do vinho do porto que uma altura lhe ofereceram e tinha prometido abrir numa altura importante... e essa altura chegava a passos largos. Viu novamente todas as fotos, já envolto em saudades. Relembrou todos os tempos, até já os esquecidos. Encheu a casa com o vazio da sua futura ausência e deitou-se dando um longo suspiro...

Gabriel Braga

publicado por JoãoSousa às 02:21
link do post | comentar | favorito
|
2 comentários:
De Anónimo a 19 de Abril de 2004 às 10:32
Este texto está extraordinário! Parabénsencandescente
(http://eroticidades.blogs.sapo.pt/)
(mailto:encandescente@sapo.pt)


De Anónimo a 18 de Abril de 2004 às 15:06
lindo....nês
(http://www.crazylittlelady.blogspot.com)
(mailto:)


Comentar post

.mais sobre mim

.Janeiro 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


.Presente

. À lembrança

. À escrita

. ...

. ...

. Às vezes

. ...

. Lhasa

. Balanço Anual

. Soneto débil

. One Night Stand

.Em Antena

.Passado

.Em Leitura


O Mundo de Sofia - Jostein Gaarder



O Amor Em Tempos de Cólera - Gabriel Garcia Márquez


O romance da raposa - Aquilino Ribeiro


A Arte da Fuga - Daniel Sampaio


Laranja Mecânica - Anthony Burgess



Tudo Que Temos Cá Dentro - Daniel Sampaio

.Blogs

Naif Naif
Studio 78
Marilia's Livejournal
Antigos Caminhos
O Micróbio
Photo of the Day Ng
Cine Blog
A whisper in your hear
O Meu Entendimento
Emanuela
Dentro de Mim
Parlamento do Pica Pau
Gritos Mudos

.Videos

Luciano Pavarotti & DOlores O'riordan - Avé Maria Arcade Fire - Wake Up Sigur Rós - Hoppipolla "I recorded my Amaryllis flower with my webcam for a month, taking 1 photo every 13m 20s. It is played back here at 25 frames per second to Liz Phair's song "Flower". This is my first attempt at timelapse photography, so it's not perfect, but not bad." - by paul Newson

.Imagens

blogs SAPO