Quinta-feira, 7 de Junho de 2007

Divagações / 7 (Em tempos de Mudança)

Sempre me defendi como sendo apologista da mudança. A mudança é um dado adquirido desde que nascemos com a etiqueta de humano.

A mudança vem em nós, desde que, obrigados por forças da física, somos expulsos do ventre materno e mandados para o mundo.

Até o próprio mundo que nos envolve desde o nascimento é metamórfico, sempre em constante mudança. Mas ao contrário de nós, seres efémeros e dotados com a capacidade de raciocinar, o mundo sabe como bater o tempo. Sabe que tem de mudar, e por isso o faz tão lentamente, tão levemente, tão pensativamente. Tudo controlado, tudo calculado e vai mudando, mas sem cair em erros.

E eu sempre me vi como um apologista da mudança. Mudar é bom, faz-nos crescer, faz-nos aprender e ver tudo o que não podíamos ver outrora.

A mudança traz-nos surpresas, obstáculos, adrenalina, medo e alegrias. Dá-nos tudo. Dá-nos capacidades melhores, coisas melhores, tudo melhor.

Mas para isso, todas as mudanças, em busca de algo melhor, tem de ser bem pensadas, bem premeditadas, bem estudadas para serem bem elaboradas.

E eu sempre me senti como um verdadeiro apoiante da mudança!

Agora o que eu não consigo compreender é, como é que é possível defender uma coisa que nunca me aconteceu?

Sim, já mudei. Mudei muito. A minha aparência evoluiu ao rigor da moda. O meu modo de viver, a minha percepção das coisas, o meu modo de pensar as coisas, tudo isso mudou. Mas, ao mesmo tempo, cá dentro, do lado do coração, onde se encontra o meu Eu genial, sinto que nada mudou, nunca nada realmente importante mudou em mim e no mundo que me circunda.

Realmente, como posso ser eu apologista de algo que nunca tive verdadeiramente?

 

(a hipocrisia da defesa de algum ideal sem sequer se preocupar em arriscar a vive-lo, aprende-lo, tê-lo.)

música: The Knife - Silent Shout

publicado por JoãoSousa às 17:37
link do post | comentar | favorito
|
3 comentários:
De petitegouttedeau a 7 de Junho de 2007 às 21:32
Não sei, mas a mudança só deve acontecer quando não estamos bem connosco próprios ou com o mundo à nossa volta...
Quando as pessoas sentem necessidade de mudar, a mudança vai-se dando...
É bom defendor a mudança em certas situações, é bom ir evoluindo, mas às vezes vão-se dando pequenas mudanças em nós das quais nós nem nos apercebemos bem...
As grandes mudanças, só quando algo não estiver bem...
Não te preocupes, quando tiveres que mudar, mudas..
É uma questão de bem estar interior...
Beijinho *


De Ivete a 9 de Junho de 2007 às 04:05
Será mesmo possível? És completa contradição? Nao acredito que nada significativo tenha mudado em ti... Ás vezes, quando queremos mudanças mas não as fazemos, parece que o mundo, as coisas, os acontecimentos nos levam de rolo...Nunca te sentiste envolvido assim, a mudar até mesmo sem perceber, ou muitas vezes, sem querer? Presta atenção... Um beijinho!


De Ivete a 9 de Junho de 2007 às 04:06
Será mesmo possível? És completa contradição? Nao acredito que nada significativo tenha mudado em ti... Ás vezes, quando queremos mudanças mas não as fazemos, parece que o mundo, as coisas, os acontecimentos nos levam de rolo...Nunca te sentiste envolvido assim, a mudar até mesmo sem perceber, ou muitas vezes, sem querer? Presta atenção... Um beijinho!


Comentar post

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 25 seguidores

.Janeiro 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


.Presente

. À lembrança

. À escrita

. ...

. ...

. Às vezes

. ...

. Lhasa

. Balanço Anual

. Soneto débil

. One Night Stand

.Em Antena

.Presente

. À lembrança

. À escrita

. ...

. ...

. Às vezes

. ...

. Lhasa

. Balanço Anual

. Soneto débil

. One Night Stand

.Em Leitura


O Mundo de Sofia - Jostein Gaarder



O Amor Em Tempos de Cólera - Gabriel Garcia Márquez


O romance da raposa - Aquilino Ribeiro


A Arte da Fuga - Daniel Sampaio


Laranja Mecânica - Anthony Burgess



Tudo Que Temos Cá Dentro - Daniel Sampaio

.Blogs

Naif Naif
Studio 78
Marilia's Livejournal
Antigos Caminhos
O Micróbio
Photo of the Day Ng
Cine Blog
A whisper in your hear
O Meu Entendimento
Emanuela
Dentro de Mim
Parlamento do Pica Pau
Gritos Mudos

.Videos

Luciano Pavarotti & DOlores O'riordan - Avé Maria Arcade Fire - Wake Up Sigur Rós - Hoppipolla "I recorded my Amaryllis flower with my webcam for a month, taking 1 photo every 13m 20s. It is played back here at 25 frames per second to Liz Phair's song "Flower". This is my first attempt at timelapse photography, so it's not perfect, but not bad." - by paul Newson

.Imagens

SAPO Blogs