Quinta-feira, 15 de Junho de 2006

Conversas no Tanque


Uma conversa no tanque e blá blá blá, afundou-se de tal maneira que passou a conversa da treta sobre tudo e coisa nenhuma. Então aqui vai a minha.

Rui Reininho, com uma camisa de cetim com um dragão chinês desenhado, sentado numa cadeira, com uma mochila no colo a ler o capítulo zero do seu livro por escrever.

Nota: “Pena ser a preto e branco, mas a escrita é mesmo assim!”

 

Pergunta: “Onde se inspira para escrever o que escreve? Como consegue fazer letras tão rebuscadas?”

Resposta: Uma série de coisas do quotidiano do Senhor Rui que vão desde o seu strip às 11 da manhã, quando se põe de “pelota” para ir tomar banho, até à falta de tesão matinal para escrever.

 

Nota: Sebastião levanta a voz um pouco e pedindo desculpas diz: “Desculpe, mas… nós estávamos cá dentro para não incomodar o vosso diálogo lá fora. Agora veio esta avalanche de gente cá para dentro, para o ouvir, mas a verdade é que nos incomodam agora a nós que temos de estar calados. É que com esta confusão até nos sentimos envergonhados para ir buscar uma cerveja!”

 

Senhor Rui levanta a voz e dá toda a razão a Sebastião. E ainda faz melhor, manda vir a Carlsberg para o Sebastião.

 

Pergunta: “O Senhor, que muito tempo viveu na noite, acha que as pessoas usam mais mascaras de manha ou à noite? Quando é que as pessoas se mostram mais? E quando escondem mais a sua verdadeira identidade?”

 

Resposta: “Nós os velhotes não dormimos. Para mim é melhor fazer um concerto à luz do dia porque se vê a cara das pessoas… Mas as pessoas são mais desinibidas à noite. Mas as mascaras são usadas… e vendo bem a questão, o relâmpago anuncia a meia-noite. E como alguns costumam dizer (inspira) Cheira (inspira) bem, cheira a Lisboa. Eu digo agora, cheira bem, cheira a Braga. Adeus e obrigado!”

 

Nota: Meia dúzia de gatos-pingados batem palmas, a outra dúzia e meia recomeça as conversas deixadas a meio por causa desta conversa no tanque.

Nota2: Que raio terá o Senhor Rui tomado para dizer tanta coisa sem nexo?

 

 

Gabriel Braga

música: Antony And The Johnsons - Hope There's someone

publicado por JoãoSousa às 20:53
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.Janeiro 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


.Presente

. À lembrança

. À escrita

. ...

. ...

. Às vezes

. ...

. Lhasa

. Balanço Anual

. Soneto débil

. One Night Stand

.Em Antena

.Passado

.Em Leitura


O Mundo de Sofia - Jostein Gaarder



O Amor Em Tempos de Cólera - Gabriel Garcia Márquez


O romance da raposa - Aquilino Ribeiro


A Arte da Fuga - Daniel Sampaio


Laranja Mecânica - Anthony Burgess



Tudo Que Temos Cá Dentro - Daniel Sampaio

.Blogs

Naif Naif
Studio 78
Marilia's Livejournal
Antigos Caminhos
O Micróbio
Photo of the Day Ng
Cine Blog
A whisper in your hear
O Meu Entendimento
Emanuela
Dentro de Mim
Parlamento do Pica Pau
Gritos Mudos

.Videos

Luciano Pavarotti & DOlores O'riordan - Avé Maria Arcade Fire - Wake Up Sigur Rós - Hoppipolla "I recorded my Amaryllis flower with my webcam for a month, taking 1 photo every 13m 20s. It is played back here at 25 frames per second to Liz Phair's song "Flower". This is my first attempt at timelapse photography, so it's not perfect, but not bad." - by paul Newson

.Imagens

blogs SAPO